Cadastre-se Grátis  |  Esqueci a senha
login:   senha:  

Falso ou verdadeiro adorador?

Segunda, 19 de Dezembro de 2011  |  3199 visualizações
Categoria: Música e Adoração  |  Autor: Sérgio Krus`t
Compartilhe esse link:
Atenção: Os artigos postados no site não revelam, necessariamente, a opinião do Gospel 10.
Os artigos são enviados pelos usuários, que podem ter opiniões teológicas diferentes dos idealizadores deste site
Graça e paz sacerdotes do Senhor,

Mas vem a hora e já chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque são estes que o Pai procura para seus adoradores. Deus é espírito; e importa que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade. (João 4:23-24)

Falso ou verdadeiro? Qual tipo de adorador é você?

Durante anos as pregações sobre adoração tem sido um tema muito pregado nas igrejas, tanto que muitas delas diversificam este tema, fazendo que as pessoas em questão adorem de acordo com o costume de sua congregação.

A adoração a Deus é algo particular, um contato único entre Deus e o homem, independente de denominação ou costumes, não existe uma norma ou um procedimento que venha ditar como deve ser realizada a adoração. Na bíblia vamos encontrar alguns momentos de adoração, mas se observarmos elas não são de formas repetidas, cada momento realizado é diferente do outro, dando assim exemplo que não existe um método ou modelo único a seguir.

Se compararmos uma nota de dinheiro verdadeira com uma falsa, será semelhante a compararmos um verdadeiro adorador de um falso adorador.

Uma nota falsa de dinheiro não pode comprar nada, mas a verdadeira dependendo do valor muita coisa. Quando você chega ao supermercado e dá uma nota de 50 reais para pagar as suas compras, a moça do caixa pega a sua nota e faz todo aquele processo de identificação que nós estamos cansados de presenciar para ver se é verdadeira. A falsa possui características, aparência, promete, mas não compra nada. Alguém para fazer uma nota falsa pegou referências com uma nota verdadeira, para torná-la o mais semelhante possível a original.

O falso adorador também é semelhante ao verdadeiro adorador. Ele tem expressões semelhantes, grita, pula, canta e glorifica, a diferença está em para onde vai este ato de devoção e louvor. O falso precisa ser notado, ele tem esta necessidade de que as pessoas o olhem, o verdadeiro quer ser o mínimo notado entre os homens, porém muito notado por Deus. O falso adorador possui características, aparência, promete, mas não adora, é em vão as suas palavras, o Pai não recebe. Falta à verdade, falta ser natural, espontâneo, como deve ser.

A nota falsa de dinheiro por possuir características semelhantes à verdadeira e consegue enganar a todos que não estão aptos a discernir entre as duas. O falso adorador também consegue enganar a todos que não tem o discernimento do Espírito Santo.

Os filhos de Deus precisam ser ousados, precisam ter atitudes de adoração, não estou falando de você ficar que nem um louco tentando impressionar o pregador ou quem está ao seu lado.

Adoração é uma interação direta entre você e Deus, quem está ao seu lado não precisa ver ou ficar sabendo que você está adorando. Alguns adoram em silêncio apenas com o coração e ouvindo atenciosamente a palavra de Deus, cantando sem muitos gestos, já outros pulam, gritam, dançam na presença de Deus, existe diversas formas de adoração na igreja e que Deus recebe, a única que Ele não recebe é a falsa, fingida, aquela que a pessoa em questão quer dizer que é um super crente, um santarrão, mas a bíblia diz que no último dia o Pai dirá para estes “Apartai-vos de mim, pois eu não vos conheço” (Mateus 25:41). A adoração destes é uma adoração tola.

Quando adoramos sentimos vontade de cantar, louvar e outras coisas mais inexplicáveis pelo homem. O adorador tem que sentir saudades de Deus, querer estar junto em todo o tempo, apaixonado por Deus igual um casal de namorados. Não quer dizer que temos de ficar 24 horas dentro de uma congregação, mas que devemos ter um coração 24 horas na presença dEle, com a mente e os olhos fixos na cruz de Cristo.

A verdadeira adoração começa em casa, na primeira instituição criada por Deus que é a família, amando e respeitando a esposa, os filhos, sendo exemplo para o próximo em todas as suas atitudes. Para algumas pessoas adoração é só quando existe um poder sobre natural, então o que dizer de Asafe que por algumas vezes questionou a respeito dos ímpios prosperarem e mesmo assim não desanimou de viver sobre a graça de Deus (Salmos 73); os filhos de corá que presenciaram seus pais serem engolidos pela terra (Números 16) e mesmo assim fizeram lindos salmos; a viúva pobre citada em Marcos 12:41 e inúmeros outros. Se conseguirmos fazer com que este princípio seja habitual em nossas vidas já podemos ser considerados como adoradores em potencial.

Deus tem buscado em toda a face da terra os verdadeiros adorares, e onde encontrar estes verdadeiros adoradores, onde estão estes príncipes e princesas do Senhor, eleitos para o adorarem, para o servirem?

Deus tem procurado por você, de manhã quando você acorda, Ele espera o seu bom dia; quando vais almoçar, Ele quer agradecer o pão com você; quando chega do trabalho, Ele quer descansar com você, quem sabe tirar um momento a sós com você; e na hora de dormir, Ele está ali também querendo ouvir aquelas palavras do coração dizendo: obrigado Pai por mais um dia que esteve comigo; e se pensa que acabou, ainda não, enquanto dorme Ele vela por ti, te guarda porque você é a excelência da sua criação, a melhor parte da criação, você é muito amado por Deus.

Ele escolheu você para ser adorador, do céu Ele percebeu que você tem potencial e capacidade de adorá-lo, e adorar a Deus é tão fácil, não existe uma regra ou um modelo exclusive, é algo tão natural que quando percebe-se já está adorando, seja cantando uma canção, recitando uma poesia, ajudando o próximo, sendo fiel e verdadeiro em suas atitudes e muitas outras coisas, simples assim.

Agora tome uma atitude de servo e comece a adorar, deixe um pouco de lado as preocupações do dia, procure dedicar um momento a sós com Deus, vá para o seu quarto e em atitude de adoração curve-se diante do Senhor, ore um pouco, aproveite para um momento de arrependimento, confesse todos os seus pecados, principalmente aqueles antigos que passaram despercebidos, peça um revestimento espiritual para vencer os desafios e provações do dia a dia, fortalecimento espiritual para não cair diante das tentações, após este momento de confissão e arrependimento, pegue a bíblia, faça uma leitura da palavra e veja o que o Pai tem lhe falar.

Termino com as seguintes perguntas para sua reflexão. Quem tem mais razão para adorar que os astrônomos que veem as estrelas? Que o cirurgião que segura o coração nas mãos? Que o oceanógrafo que sonda as profundezas do mar? Quanto mais conhecemos mais deveríamos adorar.

DEUS É FIEL


--
Sérgio Krus`t
DEUS É FIEL



Sérgio Krus`t

Igreja: Primeira Igreja Batista em Curitiba, Paraná
Descrição: Cidade: Silva Jardim – Curitiba Estado: RJ – Paraná Ator, diretor, escritor de peças de teatro amador – Contra baixista (não profissionalmente) – Compositor, Escritor e Autor nas horas de folga – organizador de Eventos Gospel. Igrejas: Batista...

Clique aqui para ver mais artigos deste escritor


Comentários para "Falso ou verdadeiro adorador?"




 Autor:
Sérgio Krus`t
Cidade: Silva Jardim – Curitiba Estado: RJ – Paraná Ator, diretor, escritor de peças de teatro amador – Contra baixista (não profissionalmente) – ...




Gospel 10 na Internet


Envie Seu Artigo
Newsletter
Receba as novidades do Gospel 10 periodicamente, diretamente em seu e-mail.

E-mail:




Atenção: Os conteúdos postados no site não revelam, necessariamente, a opinião do Gospel 10.
A maioria são enviados pelos usuários, que podem ter opiniões teológicas diferentes dos idealizadores deste site

Gospel10.com › Portal Evangélico Ajuda |  Política de privacidade |  Termos de uso |  Quem somos |  Fale conosco
 Gospel 10 › 2008-2014. v4. Todos os direitos reservados